Famílias desfavorecidas de seis comunidades do povoado de Matama, distrito de Lichinga, em Niassa, receberam há dias apoio alimentar oferecida pela empresa África Center Matama, constituído por 90 toneladas de milho além de 30 carteiras duplas para beneficiar 168 alunos que vão deixar de estudar sentados no chão.

Segundo Robelindo Aleixo, representante da África Center Matama, o gesto enquadra-se na responsabilidade social e corporativa daquela empresa do ramo agrícola e de capitais sul-africanos.De acordo com dados apurados na circunstância, o gesto visa melhorar a segurança alimentar e nutricional dos beneficiários em número superior a cem famílias, que enfrentam dificuldades para o seu sustento.

As comunidades de Matama e a empresa agrícola sul-africana, que se dedica à produção de frutas de espécie exótica e tropical para exportação, incluindo cereais para abastecer o mercado local, mantém boas relações, que concorrem para a protecção dos pomares e campos contra a invasão de malfeitores, com intuito de furtar as culturas.

Alberto Mussa, administrador distrital de Lichinga, que testemunhou a entrega do donativo, recomendou aos beneficiários para se empenhar nas actividades agrárias, que desenvolvem, com o apoio da África Center Matama, o que poderá resultar na redução da sua dependência alimentar.

Fonte: Jornal Notícias MZ