É já o sexto ano que este país vence a categoria de melhor destino culinário do mundo.

Portugal arrecadou, este ano, o troféu de melhor destino turístico do mundo, e Lisboa, o melhor destino para estadias curtas. Estamos, por isso, orgulhosos deste nosso cantinho à beira mar plantado. Mas, e qual é o melhor destino culinário para os World Travel Awards? Podíamos também ser nós, é verdade, mas não somos. O prémio foi, pelo sexto ano consecutivo, para o Peru.

Vale a pena recordar que os prémios são atribuídos com base numa votação online em que participam profissionais do turismo, empresários do setor e também turistas.

“Estes reconhecimentos que recebemos como país são resultado do trabalho que estamos a fazer para promover os nossos recursos turísticos e a nossa gastronomia. Estes prémios põe-nos diante dos olhos do mundo”, disse Isabella Falco, diretora de imagem da campanha do país.

De acordo com um estudo realizado pela organização, o principal motivo para visitar o Peru é conhecer Machu Picchu. Apesar disso, a gastronomia já é uma característica que importa para quem decide visitar o país: 82 % dos turistas considera o Peru um destino gastronómico.

Talvez o ceviche seja o prato mais conhecido do país, mas há muito mais a descobrir (e a provar) no Peru. O jornal La Vanguardia destaca o ‘La causa’, um prato frio muito suave e cremoso servido em várias camadas cujos ingredientes são batata cozida, abacate e creme de frango e maionese.

Fonte: Notícias ao Minuto

Famoso é também o ‘ají de gallina’, cozinhado com pimenta amarela peruana.  Outros pratos a tradicionais do Peru são o ‘tiradito nikkei’, o ‘chupe de pesacado’ ( uma sopa de mariscos fria) e o ‘el seco’, o estufado mais conhecido do país.