O Banco de Moçambique (BM) vai continuar com as medidas de estabilidade macro-económica para impulsionar a produtividade e o ambiente de negócios, apesar dos choques externos.

MAPUTO- O anúncio foi feito no Café da manhã da Rádio Moçambique, pelo administrador do Banco Central, Valdemar de Sousa, no âmbito do Conselho Consultivo da instituição, que inicia amanhã, em Lichinga, no Niassa.

Valdemar de Sousa explicou que tais medidas permitiram a retoma económica e o controlo da inflação, desde o ano passado.

Acrescentou ainda que cerca 36 porcento da população tem acesso aos serviços bancários, no âmbito dos esforços de expansão pelo país.

Fonte: Folha de Maputo